23.4.07

sem título - 030

ando pelo mundo
sem rumo
a prumo
sem beira
nem eira
errando
errante
perante a vida
fugida
roída
até quando
não sobrar mais tempo
sem pontuação
e cheia de erros
gramaticais
filosofais e de discordância
pra que a concordância??

4 comentários:

Duda disse...

pra que a concordância?
viva o impulsivo!

Késia Maximiano disse...

sem rumo...


Belo blog..
bjosss

Paulo Fernando disse...

Gostei muito. Acho que a concordância discorda com um princípio básico: o livre arbítrio em discordar... rsrs

Abraços. Gostei daqui!

Anônimo disse...

Q chatice! Tu se acha o intelectual né? Se liga manezao!