13.9.06

Vício

CAFÉ  caFÉ
cAFÉ     FÉ ca
CaFÉ       FÉ lá
CAfÉ     FELA
CAFé   FÊLA
FERA
FERRA
FOGO
FOGE
FUGA
RUGA
PULGA
PUL GA
POOL GA
POLL
LOOP
PULA
PUXA
EMPURRA
EMBURRA
SUA BURRA
URRA
RUGE
ROI
ROL
MOL
AVOGRADO
ADVOGADO
O QUE?

2 comentários:

Gleidiene disse...

Vc me disse q nao é um poema...

mas vou te falar uma coisa....

é um poema sim....

e as caracteristicas são da escola parnasiana....

acho q Olavo Bilac se encantaria com seu dom....rsrs

assim como eu me encanto cada dia mais....

Cláudio Luiz Almeida disse...

Pensei na hipótese de um poema parnazo-concretista. Fiquei a imaginar "seria isso uma colher para mexer o café?" Fez pensar...